Ir para conteúdo

Dados alternativos: questão de confiança, valor e risco

Toni McDerment
Toni McDerment
Director, Refinitiv Data Model, Refinitiv
John Bonner
John Bonner
Head of Platform Data & Metadata, Refinitiv

O interesse nos chamados alt data cresce a cada dia, já que instituições financeiras os utilizam para obter insights de investimentos, analisando o desempenho das empresas e o humor do mercado acionário. Na esteira desse movimento, o número de fontes, provedores e clientes seguirá aumentando, nos obrigando a refletir sobre como o papel dos intermediários de dados precisa mudar.


  1. Investimentos baseados em dados alternativos têm aumentado, à medida que instituições financeiras os utilizam para obter novos insights e sinais sobre o mercado.
  2. Para que o ecossistema de alt data seja sustentável, confiança e compreensão dos riscos são fundamentais
  3. Os intermediários de dados precisam ampliar seus serviços, oferecendo também possibilidades de avaliação.

Para mais informações baseadas em dados diretamente no seu inbox, assine o boletim semanal Refinitiv Perspectives

Um relatório publicado recentemente pela Refinitiv e o Open Data Institute (ODI) aponta que o crescimento do universo de alt data fará com que os intermediários não sejam mais capazes de examinar todos os provedores, clientes e conjuntos de dados alternativos.

Isso mudará tanto o papel desses intermediários quanto o valor que agregam ao desenvolvimento de um ecossistema de dados que seja transparente, confiável e, claro, sustentável.

Faça o download do relatório para descobrir mais detalhes e recomendações para os intermediários de dados alternativos

Os dados e o intermediário

Embora os dados padrão para investimentos sejam tradicionalmente adquiridos de um número limitado de fontes, o diagrama abaixo mostra como os alt data podem ter inúmeras origens, e percorrer as mais variadas rotas.

Cada um deles tem diferentes custos de transação, que incluem:

  • O preço dos conjuntos de alt data.
  • Tempo e esforço necessários para localizar conjuntos de dados relevantes.
  • Avaliação da confiabilidade da organização que comercializa os dados.
  • Análise do valor e do potencial risco oferecido por determinado conjunto de dados.
  • Elaboração de requisitos legais para aquisição do conjunto de dados.
  • Limpeza e processamento do conjunto de dados que foi adquirido.

Embora os clientes possam comprar dados alternativos diretamente da fonte, a maioria é comercializada por provedores e intermediários.

Como atuam os provedores

O objetivo desses provedores é adquirir conjuntos de dados e vendê-los a intermediários ou clientes. Eles fazem todo o trabalho pesado, que ajuda a reduzir os custos de transação mencionados acima.

Entre suas tarefas, encontram-se:

  • Avaliações técnicas e jurídicas para estabelecer o valor dos conjuntos de alt data.
  • Due diligence para verificar e mitigar o potencial risco de usar determinado conjunto de dados.
  • Processamento, limpeza e transformação desses conjuntos de dados para torná-los mais úteis.
  • Agrupamento de conjuntos de dados díspares.
  • Análise de conjuntos de dados para identificar sinais e insights valiosos.
  • Desenvolvimento de produtos sob medida e obtenção de insights adicionais.

O papel dos intermediários

Os intermediários vão um passo além, facilitando o fornecimento de dados em um ecossistema de alt data. Eles fazem isso ao comparar conjuntos de dados alternativos díspares em um local central e examinar provedores e usuários.

Eles auxiliam os clientes que não têm capacidade de examinar e negociar com um número crescente de fontes e provedores, tornando esse complexo e disputado mercado mais administrável para as fontes, provedores e, sobretudo, clientes.

Suas funções englobam:

  • Coleta e classificação de inúmeros conjuntos de dados para então disponibilizá-los em um único local ou plataforma central.
  • Execução de análises em nome de clientes para identificar sinais ou insights relevantes ou fornecimento de acesso a ferramentas analíticas.
  • Obtenção de dados abertos ou de uso livre –como estatísticas governamentais relacionadas a aquisições comerciais— para combiná-los com dados alternativos em suas plataformas e aumentar o acesso a percepções e sinais úteis.

A grande diferença entre provedores e intermediários está no volume e variedade de dados que oferecem.

Os provedores tendem a se concentrar em um ou alguns setores específicos, enquanto os intermediários trabalham em uma escala muito maior, em uma ampla gama de setores. Além disso, os intermediários focam mais na geração de insights para os clientes por meio de análises internas ou oferta de ferramentas analíticas.

Três fatores essenciais

Confiabilidade, valor e risco são fundamentais para a criação de um ecossistema de dados mais sustentável. O valor geralmente é definido como o retorno financeiro do investimento. O risco é mais complicado: pode ser legal, técnico ou comercial. E a confiabilidade, deve ser sempre avaliada.

Em um mercado em expansão, passando por grandes mudanças, pode ser difícil avaliar a confiabilidade, o valor e o risco. O nosso relatório identifica alguns mecanismos úteis, como questionários de due diligence, avaliações de impacto de proteção de dados, registros de fontes, dados e riscos regulatórios, além de padrões de dados públicos e códigos de conduta.

Intermediários enfrentam dilema

A enorme quantidade de alt data que vem sendo gerada coloca os intermediários diante de um dilema. Eles desejam fornecer acesso a dados de um maior número possível de provedores, mas esse volume gigantesco os impossibilita de avaliar cada provedor quanto à confiabilidade, valor e risco.

Uma solução seria oferecer uma variedade de serviços de avaliação, que dependeriam dos conjuntos de dados envolvidos e das necessidades dos fornecedores e clientes. As opções de serviço poderiam incluir:

  • A conexão dos diferentes participantes dentro do ecossistema de dados alternativos.
  • Fornecer a esses participantes as ferramentas para fazer suas próprias avaliações jurídicas, técnicas, éticas e comerciais.
  • Aumentar a capacidade e confiabilidade dos participantes e permitir que eles demonstrem sua capacidade para os outros.

As sugestões elencadas acima trariam maior especificidade para todos no ecossistema de alt data e reduziriam os custos de transação dependendo dos componentes do serviço de avaliação.

 

Responsabilidade compartilhada

Embora os intermediários tenham um importante papel a desempenhar na definição do futuro do ecossistema de dados alternativos, eles não podem trabalhar sozinhos.

No relatório, sugerimos a divisão da responsabilidade pela avaliação ao longo do ecossistema, de forma que avaliações e serviços jurídicos, técnicos, éticos e comerciais sejam administrados por todos os atores envolvidos.

O documento também cita a importância de padrões para a construção de um ecossistema de alt data que seja confiável e sustentável. Intermediários podem liderar aqui, embora processos abertos e transparentes sejam fundamentais para a confiança em todo o ecossistema.

A certificação e classificação de provedores por organizações independentes também pode estimular a padronização e levar a resultados de sucesso para todos os envolvidos:

  • Para fontes, processos padronizados e certificações estendem o alcance a potencial clientes e reduzem custos de publicação.
  • Para provedores, a certificação ou classificação de terceiros acelera a integração com intermediários e os ajuda a alcançar um número maior de clientes.
  • Para intermediários, padrões e certificações significam que mais conjuntos de dados e serviços podem ser hospedados.
  • Para os clientes, os padrões e as certificações permitem comparar os diferentes participantes.
  • Para todos os envolvidos, processos e certificações padronizados ajudam a aumentar a confiança no ecossistema.

Ao tornar mais fácil para fontes, fornecedores e clientes avaliar a confiabilidade de outros agentes, além do risco e valor de conjuntos de dados alternativos, os intermediários podem ajudar o ecossistema a crescer de maneira transparente, confiável e sustentável.

Faça o download do relatório para descobrir mais detalhes e recomendações para os intermediários de dados alternativos


A Refinitiv está agora no Telegram! Receba atualizações diárias de análises de mercado em seu celular. Inscreva-se em t.me/Refinitiv