Ir para conteúdo

Dados para o mercado de renda fixa: como a tecnologia pode ajudar?

Jon Williams
Jon Williams
Head of Fixed Income

Não há dúvidas sobre os muitos benefícios que o processo de digitalização trouxe para esse setor, mas eles vêm acompanhados de uma série crescente de desafios. Neste post, exibimos as principais conclusões de um novo relatório da Refinitiv –produzido em colaboração com a Greenwich Associates—, a respeito de como tecnologia de ponta e dados confiáveis ​​estão ajudando os traders a dominar esse vasto e complexo mercado.


  1. A digitalização dos mercados de renda fixa conferiu aos traders maior acesso a dados prontos para consumo, mas ainda há um longo caminho para que os avanços tecnológicos consigam auxiliar as empresas a aumentar seus níveis de eficiência.
  2. Dados confiáveis ​​e completos se tornaram a força vital do setor. No entanto, a tarefa de sintetizar, agregar e unificar fontes de dados diferentes pode implicar em sérios desafios para as empresas (grandes e pequenas).
  3. Muito já foi alcançado em termos de agregação de dados, mas para colher todos os benefícios desse processo, a tecnologia deve trazer soluções mais acessíveis e eficientes.

É evidente que a crescente digitalização do mercado de renda fixa tem trazido muitos efeitos positivos, como maior transparência e liquidez, além de análises e processamento de transações mais eficientes. Entretanto, esse cenário em rápida transformação também vem provocando grandes mudanças para todos os participantes do setor. A antiga abordagem, que se baseava muito em ligações telefônicas e em bons relacionamentos com corretores, sofreu uma metamorfose completa. Agora, ela engloba APIs, dados em tempo real e níveis cada vez mais significativos de automação.

E, em meio à concorrência acirrada e margens de lucro apertadas, as empresas encontram-se sob pressão para melhorar os níveis de eficiência, com muitas delas buscando isso por meio de soluções integradas e simplificadas que oferecem uma visão holística do mercado em um único local.

Faça o download do nosso novo relatório sobre a agregação de dados para o mercado de renda fixa: From Fragmentation to Integration

A natureza sensível dos dados

Os dados são hoje a força vital de uma negociação bem-sucedida. E quanto maior seu volume e qualidade, melhores as oportunidades que eles geram. Porém, se não for possível sintetizá-los, agregá-los e unificá-los em um único local, nenhum desses benefícios se concretizará.

Os dados necessários devem ser adquiridos de inúmeras fontes, incluindo plataformas de negociação, agregadores de dados de mercado, provedores de dados de referência, dealers e provedores de dados alternativos. E, em um universo que inclui mais de 70 classes diferentes de ativos de renda fixa, podemos dizer que essa não é uma tarefa fácil.

Aliás, escolher os feeds mais apropriados e depois integrá-los aos fluxos de trabalho preexistentes para criar uma visão holística pode parecer algo impossível. Isso porque não existe uma solução única capaz de agregar todas as ferramentas e dados necessários em um único local. Da mesma forma, o uso de uma única fonte de informações e funcionalidades não será suficiente, podendo significar oportunidades perdidas.

A solução para manter o sucesso e a relevância dos negócios é garantir acesso aos protocolos, dados e análises de negociação mais produtivos –e sempre da maneira mais eficiente e econômica possível.

Aqueles que obtiverem sucesso nessa empreitada podem transformar um grande desafio em uma oportunidade de aumentar os níveis de eficiência, desenvolver uma visão mais completa sobre o mercado e tomar decisões mais embasadas e rápidas.

Registre-se em nosso webinar Navigating Fixed Income Markets

A tecnologia está fazendo a diferença

Com a tarefa de condensar em um só local o vasto universo de dados de renda fixa, as novas soluções de tecnologia tornam-se cada vez mais essenciais.

E nesse processo, flexibilidade é a palavra chave. Muitos traders estão buscando criar um blend com dados de fornecedores, dados especializados e seus próprios dados e soluções proprietárias em um único “painel” de visualização. Isso exige uma abordagem tecnológica do tipo ‘best-of-breed’, que permite diferentes fontes de dados e aplicativos operando junto, de maneira integrada e fácil de usar.

Um novo relatório da Refinitiv, realizado em conjunto com a Greenwich Associates, conclui que os avanços tecnológicos permitirão em breve que fontes e aplicativos de dados diferentes sejam executados como um só, do mesmo modo que os navegadores de internet se transformaram em app containers.

Nós, da Refinitiv, estamos em posição privilegiada para apoiar as empresas enquanto elas navegam nesse cenário de mudanças de longo alcance. Temos a oferecer nossos próprios dados líderes de mercado e conjuntos de dados exclusivos de nossos parceiros, combinados a uma completa flexibilidade que permite a nossos clientes escolher o que e como usar.

Nossas ferramentas e conjuntos de dados em permanente evolução atendem ao universo de oportunidades do mercado de renda fixa e proporcionam uma visão consistente dos produtos, permitindo níveis adequados de padronização e respeitando as especificidades de cada classe de ativos.

Gerando Alfa

Apesar das muitas dificuldades enfrentadas pelo mercado de renda fixa –sobretudo aquelas relacionadas à agregação e à unificação de dados—, 39% dos investidores consideram que o buy-side, não o sell-side, está em vantagem no que diz respeito a informações. Isso sugere que já houve muito progresso na agregação de informações.

Transformar esse mercado em algo que pareça uma única interface continua sendo bastante desafiador, mas, a cada dia, torna-se mais real.

À medida que o cenário da renda fixa segue mudando e se adaptando, dados confiáveis e tecnologia em constante evolução apoiarão os participantes do setor, ajudando-os a encontrar Alfa em um mercado cada vez mais eficiente.